sexta-feira, 15 de maio de 2009

Operadora de telefonia celular também é afetada pela crise

A operadora de telecomunicações Oi divulgou nesta quinta-feira (14) um lucro líquido de R$ 11 milhões no primeiro trimestre de 2009, 98% já com os números consolidados da Brasil Telecom, de quem ela comprou o controle em janeiro deste ano.

Segundo comunicado da Oi, o número equivale a uma queda de 98%, já que os números das duas empresas consolidados mostram um lucro de R$ 564 milhões em igual trimestre do ano passado.

A geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações (Ebitda, da sigla em inglês), ficou em R$ 2,19 bilhões no primeiro trimestre deste ano, cifra 15,2% menor que o resultado pró-forma do ano anterior.

A receita líquida teve alta de 3,5% sobre o mesmo trimestre de 2008, para R$ 7,49 bilhões.

A Oi ainda tem de fazer as ofertas pelas ações da Brasil Telecom em circulação, tanto ordinárias quanto preferenciais.

Ela já definiu, entretanto, que a marca Brasil Telecom deixa de existir neste mês, enquanto a linha de produtos Oi começa a chegar gradativamente até setembro na região Centro-Oeste, Sul e Norte onde a companhia adquirida atua.